Como Morar Na ARGENTINA: Custos, Visto, Trabalho E Outras Informações

CONTEÚDO DESTE ARTIGO

Está pensando em morar na Argentina? Veja este guia completo com todas as informações que você precisa saber antes de mudar para as terras dos nossos hermanos!

A rivalidade entre Brasil x Argentina deve ficar apenas no futebol, pois este país vizinho é muito belo, com ótima gastronomia e uma grande opção para quem deseja fazer a vida fora do Brasil, mas ainda se manter perto.

Há algumas informações importantes para você considerar se estiver pensando em se mudar e aqui nós iremos lhe auxiliar a como morar na Argentina. Acompanhe este pequeno manual e comece a programar a sua viagem.

Custo de vida médio na Argentina

A primeira coisa que devemos considerar sobre viver na Argentina é o custo de vida. De acordo com os levantamentos, a cidade de Buenos Aires, capital do país, é cerca de 40% mais barato que a cidade de São Paulo.

Além disso, quando comparamos outras cidades do país vizinho a diferença entre as brasileiras são ainda maiores.

Comparando Rosário e Campinas (que são semelhantes) temos valores de 52% abaixo quando o assunto é custo de vida.

Já faz algum tempo que a moeda Argentina não está tão desvalorizada – visto que o Brasil está crise e o Real mal cotado -, mas mesmo assim alguns preços ainda se mostram bem vantajosos.

De acordo com a Numbeo, a diferença entre os preços dos setores de Brasil x Argentina são os seguintes:

  • Higiene pessoal na Argentina é 50% mais barato
  • Transporte é 52% mais barato
  • Valor do aluguel é 22% mais caro no Brasil
  • Restaurantes brasileiros são 6% mais caros
  • Supermercado é aproximadamente 21% maior do que na Argentina

Ou seja, o poder de compra do argentino acaba sendo maior do que do brasileiro.

Documentação e visto para morar na Argentina

Mas e na parte prática, como morar na Argentina? Bem, como os países fazem parte do Mercosul fica mais fácil a questão da imigração e, além disso, as leis das terras dos hermanos são relativamente flexíveis.

Há duas formas de realizar o pedido de residência: (1) ainda estando no Brasil, através do consulado argentino mais próximo ou (2) já estando na Argentina. Neste segundo caso há 90 dias para regulamentar a sua situação.

A documentação varia de acordo com seu propósito no país (trabalhar ou estudar, por exemplo). De modo geral, você irá precisar de:

  • RG (Registro de Identidade) ou passaporte
  • Certidão de Nascimento
  • Certidão de casamento, caso se aplique
  • Certificados que comprovem que não há antecedentes penais
  • Certidão de residência em seu nome
  • Carimbo de ingresso na Argentina

Para ter certeza de quais são os documentos necessários para viver na Argentina de acordo com seu propósito, a recomendação é buscar pelo Consulado mais próximo.

Depois de estar com todos os documentos em mãos será preciso pagar uma taxa de aproximadamente R$250,00 ao Mercosul. Tendo a autorização da residência em mãos será preciso pedir o seu documento argentino, o DNI.

Este documento pode demorar 3 meses para ficar pronto, mas será expedido um “comprovante” provisório que prova a sua residência no país.

O DNI dá a possibilidade de você pedir outros documentos importantes, como o CUIL (semelhante ao CPF) para poder trabalhar.

Oportunidades na Argentina

Mudar para Argentina é algo totalmente possível e acessível, mas o problema é: existem boas oportunidades neste país? Confira:

  • Trabalhar na Argentina

De fato, a Argentina não está em um barco muito diferente do Brasil, pois está em crise há alguns anos e isso reflete diretamente nas taxas de desemprego.

Ao contrário de alguns países da Europa, o país vizinho não oferece oportunidades de subemprego que promovem alta qualidade de vida. Entretanto, tendo alguma profissão e um bom espanhol é possível encontrar oportunidades.

A dica é começar a procurar empregos daqui do Brasil, pois há vários sites onde você pode anexar o seu currículo e se candidatar para algumas vagas. As entrevistas podem ser online, o que facilita a acessibilidade.

Sempre busque por sites credenciados quando estiver buscando emprego (na Argentina ou em qualquer outro lugar). Algumas opções de site para emprego são:

 

  • Estudar na Argentina

Estudar na Argentina é uma grande oportunidade para os brasileiros, pois há boas faculdades e mesmo as particulares acabam sendo mais viáveis do que as brasileiras.

É muito comum, inclusive, jovens que se mudam para a Argentina com o intuito de cursar medicina. As universidades mais procuradas são:

  • Universidade de Bueno Aires
  • Universidade Nacional de La Plata
  • Universidade Nacional de Córdoba
  • Universidade Austral
  • Universidade Tecnológica Nacional
  • Universidade Nacional de Cuyo

Melhores cidades para morar na Argentina

As melhores cidades para se viver na Argentina são as mais populares, modernas e, claro, as que possuem um custo de vida um pouco mais elevado:

  • Melhores cidades
    • Buenos Aires
    • San Rafael
    • Córdoba
    • Mendoza
    • Rosário
    • Comodoro Rivadavia
    • Salta
    • Paraná

Caso você não faça questão de grandes centros, então você pode optar por regiões mais baratas, como:

  • Mais baratas
    • Mar del Plata
    • Neuquén.
    • San Miguel de Tucumán.

Vantagens de morar na Argentina

Viver em terras Argentinas pode ser o sonho de muitos e não é à toa! Mesmo sendo vizinhos, a país acaba sendo diferente do Brasil na questão cultural, sem contar o clima e oportunidades diferentes.

Morando na Argentina você poderá desfrutar que programas diversos, como noites de tango, gastronomia incrível (o país tem um dos os melhores cortes de carne do mundo), paisagens belíssimas e pontos turísticos maravilhosos.

Não deixa de ser uma grande experiência se deparar com outra cultura e, claro, aprimorar o seu espanhol pode fazer uma grande diferença caso deseje voltar para o Brasil.

Sendo os trâmites para morar na Argentina relativamente fáceis, talvez seja válido fazer a experiência pelo período de um ano.

Desvantagens e riscos de morar na Argentina

Os pontos negativos estão, basicamente, na questão da crise argentina. O país realmente passa por maus bocados e se você está com esperança de arrumar um emprego fácil e de alta remuneração, talvez não seja possível.

Não falar bem espanhol pode ser um gatilho para preconceitos, o que acaba sendo comum – principalmente naqueles que levam a rincha no futebol de formas mais extremas.

De qualquer modo, esse problema pode ser contornado se você buscar um emprego antes ou até mesmo trabalhar no seu emprego do Brasil caso seja de home office.

Mudar ou não para a Argentina?

Agora você já sabe como morar na Argentina, mas será que com todos esses prós e contras, vale realmente a pena sair do Brasil e se aventurar nas terras dos hermanos?

Bem, se o seu objetivo é prosperar profissionalmente, talvez seja melhor pensar um pouco mais sobre essa mudança.

Agora, se você quer novas experiências, terras mais frias, cultura diferente e um novo estilo de vida, talvez a Argentina seja uma ótima pedida.

Resumindo, viver na Argentina é viável, mas tente ir com algum emprego ou estudo bem engatilhado para se garantir. De resto, com certeza será um momento incrível, com muito tango, vinho, culinária argentina e belíssima arquitetura!

Confira também:
Gostou? Compartilhe:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

LIVRO DIGITAL GRATUITO!

Baixe agora a versão digital do livro “7 erros mais comuns dos brasileiros ao falar espanhol” e evite complicações ao falar espanhol em diversas situações!

PREENCHA E BAIXE:

O Espanhol de Verdade é escola online com marca registrada  pela SDR Digital – CNPJ 27.291.714/0001-52 – Com sede em Belo Horizonte – Minas Gerais. contato@espanholdeverdade.com.br